Candidaturas definidas em Juazeiro e Petrolina agora a Propaganda na Internet, Rádio e TV ganha ainda mais importância nas eleições 2020

As eleições municipais em 2020 serão atípicas. Com o primeiro turno acontecendo em 15 de novembro, e o segundo, em 29 de novembro, todo o calendário eleitoral foi alterado. Para emissoras de rádio e TV, isso muda também as regras de veiculação de conteúdos eleitorais. De acordo com o calendário eleitoral o dia 09 de outubro terá início da propaganda eleitoral gratuita em rádio e TV.

Para especialistas, prioridade às plataformas digitais e uso estratégico de mídia tradicional espontânea foram determinantes para vitória de candidato Jair Bolsonaro que teve 55,13% dos votos válidos. Jair Bolsonaro foi eleito presidente da república após uma corrida eleitoral com fatos inesperados. Entre os diversos fatores inéditos, destacam-se as novas regras sobre financiamento de campanha e o uso de meios digitais, principalmente no que tange à disseminação e controle de fake news.

Este ano o cenário atípico de pandemia exigirá adaptação do rádio e da TV, que serão impactados desde a fase de propagandas até os resultados das eleições municipais de 2020.

Heloísa Helena Macedo, e o especialista em direito eleitoral, Geraldo Agosti, estiveram juntos no AESP Talks, encontro online promovido pela Associação das Emissoras de Rádio e Televisão do Estado do São Paulo e avaliaram que as medidas de distanciamento social necessárias para prevenir o contágio do novo coronavírus afetarão um processo que é essencialmente presencial durante a campanha, como os ato de rua e o corpo-a-corpo de candidatos, o que fará com que o rádio e a TV ganhem ainda mais força.

“Isso vai exigir maior responsabilidade sobre o conteúdo veiculado, especialmente no caso da publicidade relacionada à COVID-19, que agora será liberada, por se tratar de interesse público, mas acompanhada de perto pelas autoridades responsáveis para que não ocorram abusos ou uso indevido”.

Confira Candidatos prefeito e Vice de Juazeiro Bahia:
Coligação Prá Juazeiro seguir em frente, tem como candidato a prefeito Paulo Bomfim do PT, e como candidato a vice Charles Leão PP. Os partidos que integram a colicação PT, PP, PSD, MDB, PSB e Podemos.

Coligação União Por Amor a Juazeiro, que agrega o PSDB, Solidariedade, PTC, Partido Verde, REDE, PRTB, PROS, PDT e Patriota, homologou os nomes de Suzana Ramos como candidata a prefeita e Leonardo Bandeira como candidato a vice.

O Democratas lançou candidato a prefeito Coronel Anselmo Bispo e como vice Targino Gondim compõem a coligação: DEM – Democratas; PL – Partido Liberal; PSL – Partido Social Liberal; PTB – Partido Trabalhista Brasileiro; PSC – Partido Social Cristão e Partido Cidadania.

O Republicanos confirmou o nome de Raffani Stefani Fonseca Souza como candidato a prefeito tendo na vice a jovem Patrícia.

O Avante confirmou a candidatura do Capitão Leonilton Moreira para prefeito de Juazeiro tendo na vice o jornalista Erry justo.

O PSOL de Juazeiro, em convenção realizada no último domingo (13) no Quintal do Galo, em Piranga, homologou o nome de Breno Rainan como candidato a prefeito, que terá como companheiro de chapa Antônio Carlos.

Candidatos prefeito Petrolina:
Marcos Ortopedista (PSOL) – 50
Gabriel Menezes (PSL) – 17
Miguel Coelho (MDB)
Julio Lossio Filho (PSD)
Odacy Amorim (PT) – 13

Redação redeGN

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

© 2020 Rádio Cidade – AM 870