Justiça determina prisão preventiva de mulher suspeita de mandar matar professora em Juazeiro

A Justiça da Bahia determinou, na quinta-feira (4), a prisão preventiva da mulher suspeita de mandar matar a professora Élida Márcia de Oliveira, de 32 anos, na cidade de Juazeiro, (BA). A informação foi divulgada pela Polícia Civil na sexta-feira (5). A mulher está foragida.

A suspeita, identificada como Edvânia Pereira de Morais, o pai dela, Edvan Constantino de Morais, que também é suspeito de planejar o crime, e Railton Mendes da Silva, que dirigia a motocicleta usada no assassinato, foram denunciados pelo Ministério Público (MPBA), na terça-feira (2).

Segundo o MPBA, todos os denunciados devem responder por homicídio duplamente qualificado, por motivo torpe e impossibilidade de defesa da vítima.

Executor

O quarto envolvido no crime, identificado como Maicon Neves dos Santos, segue foragido. O suspeito é apontado como autor dos disparos que mataram a professora. Ele e os outros dois homens suspeitos do crime tiveram a prisão temporária convertida em preventiva pela Justiça.

Conforme a Polícia Civil, Edvânia teria mandado matar a professora porque a vítima era casada com o ex-companheiro dela. A suspeita não aceitava o fim da relação com o homem e, com a ajuda do pai, planejou a morte da vítima.

O crime ocorreu no dia 20 de fevereiro deste ano, em frente à casa da professora, no bairro Alto do Alencar. A vítima foi atacada na frente da filha e do companheiro, dentro de carro da família, no momento em que saía para trabalhar.

Élida morreu no local. O marido da professora foi atingido por estilhaços, foi atendido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade e recebeu alta. A filha do casal não teve ferimentos. (Fonte: G1-BA)

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

© 2019 Rádio Cidade – AM 870